A Muvin investe em aula de dança para aumentar a motivação e produtividade dos colaboradores

A Muvin investe em aula de dança para aumentar a motivação e produtividade dos colaboradores

Pesquisas já mostram que a dança é indicada não só para perder calorias, mas também contribui para a produtividade no ambiente de trabalho, já que ajuda a ter mais disposição para o dia a dia.

Sendo assim, a Muvin, sempre empenhada em trazer melhorias para a qualidade de vida de seus colaboradores, agora investe em aulas de dança, que são oferecidas dentro da empresa durante o horário do almoço.

“Sabemos que uma pessoa passa boa parte do seu tempo dentro da empresa realizando suas atividades profissionais. Portanto, sua vida como um todo influencia e é influenciada pelo trabalho, e daí a importância de cuidar para que essa vivência no ambiente corporativo seja satisfatória e motivadora”, diz Thiago Gonçalves, Diretor de Operações da Muvin.

Ele também afirma que colaboradores mais felizes e motivados produzem mais e melhor e, para isso, a dança exerce um papel fundamental, já que ajuda a ter mais disposição para o dia a dia. Ronaldo Doria é Assistente de Compras na Muvin e também o responsável pelas aulas na empresa.

aula de dança com o professor Ronaldo Doria

Ele, que é formado em Educação Física, há 11 anos atua como professor de dança de salão.

“Como somos uma empresa que incentiva a prática de atividade física, veio essa ideia de oferecer também meu serviço como professor de Educação Física e dança”, diz.

A ideia foi muito bem recebida pela diretoria da Muvin e hoje as aulas acontecem todas as sextas-feiras.

“Estamos completando a quarta semana de aulas, que têm sido muito bem recebidas pelos funcionários, e o número de praticantes tem aumentado a cada semana”, afirma Ronaldo.

Ainda segundo ele, grande parte dos participantes são meninas, mas há meninos também. É o caso de José Gabriel Lima, que atua como Modelista Júnior na empresa, e é um dos colaboradores que tem frequentado as aulas.

José Lima Modelista Júnior

“Eu achei a ideia genial e fora dos meus paradigmas, pois antes eu só tinha uma visão sobre exercícios aeróbicos em empresas, que era aquela coisa de sair do posto de trabalho e fazer uma série de exercícios”, diz.

José afirma que, mesmo com as aulas ainda no início, já notou que a dança realmente tem trazido benefícios. “Depois das aulas o pessoal que participa volta para a linha de trabalho com um baita sorriso no rosto”, enfatiza ele.

Esse resultado positivo também foi notado pela diretoria da Muvin desde a primeira aula. “Colaboradores mais unidos, amigos e felizes.

Temos tido um retorno que superou as expectativas, com todos ansiosos para participar das aulas e, a cada semana que passa, vemos mais pessoas aderindo à prática”, finaliza Thiago.

Deixe uma resposta